Ocorreu erro 2 do Windows ao carregar o Java VM no SPED

Dependendo da versão do java instalado no computador os programas SPED (Contribuições, EFD, ECF, etc) podem não abrir ou apresentar a mensagem de erro: “Ocorreu erro 2 do Windows ao carregar o Java VM”

sped1

Solução:

Navegue até a pasta de instalação do programa SPED, geralmente em c:\Arquivos de programas (x86)\Programas_SPED

Localize o arquivo .JAR spedfcont.jar no exemplo para o SPED Fiscal

Envie um atalho dele para a Área de Trabalho (Desktop) e passe a utilizar o novo atalho do programa.

sped2

Visualize e converta suas notas fiscais em XML para PDF com o DANFE PDF

Clique aqui para baixar o DANFE PDF

O DANFE PDF permite a visualização de arquivos XML de Notas Fiscais Eletrônicas e a conversão para PDF de forma simples e rápida, inclusive sem a necessidade de conexão com a internet.

Danfe PDF

Abra várias janelas e analise várias notas fiscais ao mesmo tempo com o DANFE PDF.
Uma das características principais do aplicativo é a capacidade de abrir vários XML de Notas Fiscais ao mesmo tempo, permitindo a análise e comparação entres os arquivos DANFE.

O aplicativo ainda permite o rápido acesso aos serviços da Receita Federal como a consulta completa da Nota Fiscal

Compatível com Microsoft Windows 7 ou superior, inclusive Windows 10.

Link para baixar o DANFE PDF: http://www.emidioleite.com.br/danfepdf/aplicativo/danfepdf-setup.exe

Como usar SQL Profiler com SQL Server Express Edition para consultar o log do banco de dados

SQL Server Express é a versão free da família do Microsoft SQL Server, mas com algumas limitações. Além da limitação técnica do tamanho da base de dados a versão gratuita também não possui o SQL Profiler, que é o responsável em gerenciar os logs de transações e requisições no banco de dados.

Existe uma alternativa que funciona muito bem chamada DataWizard que substitui o SQL Profiler que pode ser baixada pelo link http://helmpcb.com/misc/SqlExpressProfiler-1.2.1708.7.zip

 

 

 

Solucionando Erro 429 ActiveX ao Enviar RE SEFIP CNS

Usuários de sistemas Windows 7/8 64 bits tem recebido o erro Arquivo inválido. Erro :429 – ActiveX component can’t create object ao tentar enviar arquivos pelo programa Conectividade Social da Caixa

1

 

A solução é bastante simples, basta copiar o arquivo cnsselo.dll da pasta c:\Arquivos de programas (x86)\caixa\sefip para a pasta c:\Arquivos de programas (x86)\caixa\cns
e executar o utilitário CNSComReg.exe para registrar a nova DLL

2

3 4

Trocando Placa Mãe do PC sem precisar Formatar (Reinstalar Windows)

As vezes quando trocamos a placa-mãe de um pc e o chipset ou processador são diferentes da placa-mãe original o windows retorna uma tela azul da morte com o código de erro 0x0000007b


Esse erro é se refere ao driver da controladora do HD que é diferente entre a placa original e a placa nova.

A solução pro problema é bem simples:

Usando o Hiren’s Boot CD entre no Mini Windows
Depois nas ferramentas abra o “Registry -> “Fix hard disk controller (fix_hdc.cmd)” que fica no system tray do sistema.

hiren-fixhdc-menu

Esse utilitário limpa o driver atual do sistema e instala o driver genérico de controladora de HD.

 

hiren-fixhdc-window

Aperte T para selecionar o caminho atual da instalação do Windows (c:\windows ou d:\windows).

Depois pressione M para atualizar o driver do controlador de HD

Pronto!

Só reiniciar e testar, comigo funcionou!

 

Fonte: https://www.raymond.cc/blog/move-windows-xp-hard-drive-or-change-motherboard-without-getting-blue-screen-of-death/2/

Restaurar um Backup no MySQL por linha de comando

Normalmente com Php + MySQL o comum é a utilização do phpmyadmin para restauração de dado com MySQL, o problema é que o phpmyadmin limita o tamanho do arquivo .sql que deverá ser importado. Nesse caso a restauração deve ser feita por linha de comando.

Na pasta de instalação do MySQL mais precisamente na pasta /bin existe o executável mysql.exe e podemos utilizá-lo para executar a restauração direto no prompt de comando

Linha de comando

mysql\bin\mysql.exe -u root -p minha_senha -h localhost nome_do_db < arquivo_backup.sql

O parâmetro -u especifica o nome do usuário registrado no mysql, -p especifica a senha, -h o ip ou nome do servidor, seguido pelo nome do banco e o arquivo a ser importado.

 

 

 

Um simples script para backup de Bases PostgreSQL usando linux

O script abaixo faz com que seja gerado um backup usando pg_dump de todas as bases de dados ativas no PostgreSQL, com opção de reciclagem dos backups a cada 30 dias, ou seja, o script mantem os 30 arquivos mais novos e elimina os mais antigos.

O Script precisa ser rodado com o usuário postgres, que geralmente é o usuário padrão na instalação do PostgreSQL.

Alterne para o usuario postgres
# su – postgres

Crie um arquivo .sh que será o script a ser executado
$vi backup_script.sh

Com o conteúdo baixo:

#!/bin/bash
# Location to place backups.
backup_dir="/home/postgres-backup/"
#String to append to the name of the backup files
backup_date=`date +%d-%m-%Y`
#Numbers of days you want to keep copie of your databases
number_of_days=30
databases=`/usr/local/pgsql/bin/psql -l -t | cut -d'|' -f1 | sed -e 's/ //g' -e '/^$/d'`
for i in $databases; do
  if [ "$i" != "template0" ] && [ "$i" != "template1" ]; then
    echo Dumping $i to $backup_dir$i\_$backup_date
    /urs/local/pgsql/bin/pg_dump -Fc $i > $backup_dir$i\_$backup_date
  fi
done
find $backup_dir -type f -prune -mtime +$number_of_days -exec rm -f {}

Lembre-se que o caminho para o psql e pg_dump pode mudar de acordo a distribuição e versão do PostgresSQL.

Dê a permissão de execução ao script
$chmod 700 backup_script.sh

Agora é só adicionar ao Cron para que ele possa ser agenda a execução do script.

Abrir o Cron do linux
$crontab -e

Adicionar a linha de execução do script
3 0 * * * /caminho/backup_script.sh

Um artigo bastante interessante sobre como usar o Cron do linux pode ser acessando em https://help.ubuntu.com/community/CronHowto#Crontab%20Example

 

 

 

Resolvendo o erro “warning mssql_connect() unable to connect to server” ao fazer uma conexão do PHP com MS SQL Server

Muitas gente sofre para fazer o php se conectar ao MS SQL Server, mesmo depois de adicionada a biblioteca no php.ini e  php_mssql.dll liberado no extension.

Mesmo assim a conexão parece impossível, quando são retornados erros como:

Call to undefined function mssql_connect()

warning mssql_connect() unable to connect to server

O problema ao conectar o PHP com o SQL Server ocorre geralmente nas versões mais novas do SQL Server, como a 2008 e 2008 R2

A causa do problema é uma dll desatualizada, dentro da pasta do Apache/php e no próprio Windows.

A solução é bastante simples, basta substituir a dll nas pastas:

windows/system32 

apache/bin

A dll pode ser baixada no link abaixo:

http://www.dlldll.com/ntwdblib.dll_download.html

Agora é só reiniciar o serviço do apache/php e testar!

Para copiar a dll para a pasta apache/bin o serviço deve está parado.

Um dica adicional é verificar se Named Pipes through está ativo no SQL server Configuration Manager

Um exemplo de conexão do php com SQL SERVER

$dbhandle = mssql_connect(‘nome_do_servidor\SQLEXPRESS’,’username’,’password’);

$db = mssql_select_db(‘databasename’, $dbhandle);

 

 

Mudar a senha padrão do usuário postgres no PostgresSQL

Para mudar a senha padrão, você primeiro precisa logar na base de dados com o usuário postgres

Algo do tipo, lembrando que a senha padrão é ‘postgres’ sem as aspas:

$ /opt/PostgreSQL/8.4/bin/psql -U postgres -d postgres

Password:
psql (8.4.9)
Type “help” for help.postgres=#

Agora é só mudar a senha do usuario postgres com o

postgres=# ALTER USER postgres WITH PASSWORD ‘newpasswordgoeshere’;
ALTER ROLE
postgres=#

Pronto! Senha alterada!